sexta-feira, 27 de março de 2015

O Argumento Kalam Funciona na Teoria do Tempo Estático?


Céticos podem dizer que, para o Argumento Cosmológico Kalam funcionar, deve ser pressuposta a Teoria do Tempo A (ou tempo dinâmico), mas não funciona com a Teoria B (tempo estático). A Teoria A é o que conhecemos normalmente como o tempo: o passado não existe mais, o presente é real e o futuro ainda não existe. Já na Teoria B, o passado, presente e futuro são igualmente reais e que o tempo passando é mera ilusão. Na Teoria B, nada “vem a existir” realmente. O universo começando a existir é como uma régua que tem um primeiro centímetro.

O Argumento Kalam Funciona na Teoria do Tempo Estático?


Nós poderíamos simplesmente reformular o Argumento Cosmológico Kalam para que ele seja “neutro” e não assuma nenhuma teoria do tempo. Da seguinte maneira:

Premissa 1 – Se o universo é contingente, então tem uma causa para sua existência.

Se o universo for mutável e tiver o passado incompleto (seria uma forma como adeptos a teoria estática chamam de “teve um começo”), então ele é contingente. Quer dizer, poderia falhar em existir.

Premissa 2 – O Universo tem o passado incompleto.

Nós temos evidencias tanto da expansão do universo como da segunda lei da termodinâmica de que o universo tem o passado incompleto.

Premissa 3 – Se o universo tem o passado incompleto, então o universo é contingente.

Conclusão – Portanto, o Universo contingente teve uma causa para sua existência.


Para uma causa acima da contingência do universo, ela deve ser necessária (quer dizer, não pode falhar em existir) pois deve ter o passado completo. Já que nessa teoria o tempo “não existe”, então essa causa pode livremente viajar entre os espaços de tempo sem um inicio. Mais ainda, ela deve ser um agente pessoal, pois se a causa fosse meramente necessária e impessoal, o efeito contingente permaneceria pela eternidade com ela. O único jeito de uma causa necessária eterna dar inicio a um efeito contingente com passado incompleto, é se essa causa for um agente pessoal, que livremente escolhe criar esse novo efeito.

Um comentário:

  1. Sempre tive ideias de um tempo estático, apesar das divergencias ja citadas no blog, pois sempre imaginei o tempo como sendo apenas presente, a materia envolta de toda existencia é que sofre modificações, independente do fator tempo pois na minha concepção ele é inert.

    ResponderExcluir