quarta-feira, 10 de setembro de 2014

Criação e Evolução #8 - A termodinâmica refuta a evolução?

A segunda lei da termodinâmica é usada como um argumento contra a evolução. Neste texto, vou dizer por que essa não é uma boa objeção. Antes disso, quero deixar claro que eu não sou contra os do movimento do Design Inteligente (Michael Behe, William Dembski, etc). Mas quando um argumento não tem sucesso, ele tem que ser descartado. De outra forma, seria desonesto continuar usando-o.

Qual é o argumento?

De acordo com a segunda lei da termodinâmica, a entropia, ou desordem, de um sistema fechado sempre aumenta. O argumento diz que, já que as formas de vida possuem um sistema complexo ordenado, a evolução violaria a Segunda Lei.

O que há de errado

Um sistema fechado como o universo não recebe energia de fora, portanto sua desordem sempre aumenta. No entanto, quando falamos da evolução estamos falando da Terra. A Terra não é um sistema fechado, e esta continuamente recebendo energia do Sol. Isso significa que o aumento de desordem é sempre possível, graças ao recebimento de energia de fora. Ao mesmo tempo, o sol se torna mais desordenado quando emite energia para a Terra. Mesmo que a ordem possa aumentar na Terra, o total de ordem do sistema solar e do universo ainda diminui, e a segunda lei não é violada. [1]

Conclusão

Esse é um argumento comum contra a evolução. Apesar de eu não achar os outros argumentos (Complexidade Irredutível e falta de tempo para a evolução) muito bons, eles tem mais poder do que este. Dizer que a evolução contradiz a Segunda Lei da Termodinâmica é apenas mal entendimento de como a Segunda Lei funciona.

Fonte


Nenhum comentário:

Postar um comentário